Sábado, 18 de janeiro de 2020

Home / NOTÍCIAS  / GOL mantém benefício de bagagem e anuncia tarifa mais econômica para quem não despachar

GOL mantém benefício de bagagem e anuncia tarifa mais econômica para quem não despachar

A partir de 04 de abril, o cliente poderá escolher a melhor opção para sua viagem

A GOL anuncia uma nova tarifa, a Light, que será mais barata do que as demais para atender quem não precisa ou prefere não despachar bagagens, disponível a partir do dia 04 de abril. As tarifas Programada e Flexível continuam a incluir, sem custo, uma bagagem de até 23kg e a GOL Premium, disponível apenas nos voos internacionais, dois volumes do mesmo peso. 

As reservas adquiridas antes de 04 de abril, independente da data do voo, não sofrem qualquer alteração. Desta forma, os clientes terão tempo para se familiarizar com as novidades.

001

“Nossos clientes poderão optar pelo que melhor se adequa ao seu momento de viagem, sem pagar por um serviço que não utiliza”, afirma Eduardo Bernardes Neto, vice-presidente de Vendas e Marketing da GOL.

Pioneira e líder no uso das plataformas digitais, a GOL irá oferecer vantagens ao passageiro que utilizar o site, aplicativo e totem. “Atualmente, o acesso pelos canais digitais da companhia representa 90% do total de clientes. Eles, que são maioria, pagarão metade do valor”, explica Eduardo.

Despacho de bagagem

Caso o cliente da tarifa Light queira despachar bagagem, esse serviço poderá ser contratado à parte. Nos voos domésticos, o valor para despachar uma mala de até 23kg será de R$30 quando adquirida nos canais de autoatendimento e nas agências de viagens; ou R$60 no balcão de check-in.  

Nos voos internacionais, o valor será equivalente a USD 10 no autoatendimento e agências de viagens, e USD 20 no balcão.

001

Mais benefícios para cliente Smiles

Os clientes dos programas de fidelidade Smiles Prata, Ouro e Diamante terão benefícios especiais: uma, duas e três malas, respectivamente, sempre que voarem GOL.

002

Redução do valor do excesso de bagagem

O excesso de peso, hoje calculado de acordo com a tarifa cheia do voo, será mais barato e de fácil entendimento. O cliente pagará apenas por cada quilo adicional que custará R$12 nos voos domésticos e o equivalente a US$4 nos internacionais.  

Aumento do limite para bagagem de mão

Todas as tarifas, inclusive a Light, permitirão embarcar com um volume de até 10kg de bagagem de mão em viagens nacionais e internacionais, a partir do dia 14 de março.

Sugestão e logo enviado por: In Press Porter Novelli

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

POST A COMMENT

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×