Segunda Feira, 16 de dezembro de 2019

Home / NOTÍCIAS  / Master Turismo completa 30 anos de excelência e credibilidade no segmento

Master Turismo completa 30 anos de excelência e credibilidade no segmento

A experiência de vida do português que cruzou o oceano e escolheu o Brasil como sua nova morada se confunde com a história da Master Turismo. Fernando Meira Ribeiro Dias deixou Portugal aos 17 anos. Morou na França e na Inglaterra. Ainda na década de 1970 veio para o Brasil. A primeira parada foi no Rio de Janeiro, mas o coração bateu mais forte quando ele conheceu Minas Gerais. Em 1987 – após passar por várias agências de turismo e pela TAP Air Portugal – Fernando resolveu apostar no próprio negócio. Em 2017, a Master Turismo completa 30 anos com foco na excelência e na credibilidade construída ao longo da sua história.

A agência do português nascido em Viana do Castelo, na região do Minho, foi se renovando ao longo do tempo. Com unidades em Minas Gerais, Rio de Janeiro e Portugal, a Master Turismo atende clientes corporativos, de grande, médio e pequeno porte, além de oferecer turismo de lazer e realizar eventos personalizados. É uma empresa que se relaciona com todo o mundo e por isso, possibilita condições comerciais exclusivas. Seu principal diferencial está no atendimento ao meio corporativo, com soluções personalizadas de alcance global.

A Master é vinculada a diversas associações e entidades relacionadas ao setor de turismo reconhecidas nacional e internacionalmente.

Pontos altos da trajetória

A primeira loja, aberta em Belo Horizonte há 30 anos, tinha como foco não apenas o turismo de lazer, mas principalmente o de negócios. Fernando Dias, que possui mais de 40 anos de experiência na área de turismo, previu a potencialidade desse segmento. Em poucos anos Belo Horizonte se consolidou como polo do turismo de negócios devido ao desenvolvimento da indústria automotiva, siderúrgica, de extrativismo mineral, entre outras. Esse fato impulsionou o crescimento da Master Turismo, que expandiu pelo Brasil e pelo mundo, e atualmente oferece serviços turísticos em todas as instâncias e frentes desse ramo.

Pouco tempo depois de iniciar suas atividades, a Master já se tornava a representante em Minas Gerais, da American Express Travel, uma das maiores agências de viagens do mundo. Conquista expressiva para uma agência, até então, jovem.

Outro mérito que merece destaque nessa trajetória de sucesso é a escolha da Master, por parte da Fiat Automóveis, como agência oficial para fazer a logística e hospedagem de jornalistas e demais convidados de todo o mundo, que vieram a Minas Gerais para o lançamento do Palio, em 1996. Esse foi o primeiro carro da montadora lançado fora da Europa.

 Em 2003 a Master Turismo conquistou o selo de certificação ISO 9001, que identifica empresas em todo o mundo que zelam por um sistema de gestão de qualidade.

No ano de 2006, a agência, foi designada pelo Governo do Estado, para receber, hospedar e fazer a logística de quem veio à Belo Horizonte para a Reunião Anual do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Ao todo, a cidade recebeu representantes de mais de 40 países para o evento.

Desde 2008, Fernando Dias é presidente da Câmara Portuguesa de Comércio no Brasil – Minas Gerais, associação voltada para o incremento das relações comerciais, tecnológicas, sociais e culturais entre Minas Gerais, Portugal e países de língua portuguesa. Recentemente, tornou-se também presidente do Conselho Empresarial de Turismo da Associação Comercial e Empresarial de Minas Gerais (ACMinas), cargos estratégicos para o avanço do turismo no Brasil e na relação com outros países.

Em 2010, a empresa inovou ao implementar um departamento de viagens de incentivo (MICE). O setor tem colocado a empresa como uma das pioneiras e líderes de mercado no estado de Minas Gerais pela criatividade na elaboração de projetos exclusivos para seus clientes e pelo seu crescente faturamento. Em 2014 foram movimentados R$ 16 milhões, se destacando pelo elevado nível de elaboração de roteiros e experiências destinadas ao público interno de empresas parceiras durante campanhas corporativas.

Em 2015, a Master Turismo foi considerada pela sexta vez a maior agência de viagens de Minas Gerais no ranking elaborado pela consultoria Deloitte e publicado pela revista Exame PME. Foi listada também como uma das 200 pequenas e médias empresas que mais crescem no País. Naquele ano, o crescimento foi de 22,39% na receita líquida.

Em toda sua trajetória, a agência sempre esteve na vanguarda. Com postura firme no mercado, a Master procurou se modernizar, melhorar sua gestão, trabalhar a governança corporativa e trazer novidades. É uma empresa atual, que se reinventa a cada dia, e se adapta às mais variadas situações, inclusive à crise econômica, para prosseguir inovando.

Tendências para 2017

Depois de momentos de contenção de despesas, as previsões apontam para um cenário de recuperação no transporte aéreo no Brasil em 2017, alinhado com as medidas estratégias das companhias aéreas de modernizar e reaquecer o mercado.

Tudo indica, por exemplo, que as tarifas vão cair. As companhias aéreas líderes do mercado nacional vão prosseguir com a proposta de low cost, similares às empresas americanas e europeias. “A ideia é oferecer um serviço altamente personalizado, no qual o passageiro pode abrir mão de alguns itens para pagar menos na passagem. As parcerias das companhias nacionais com as aéreas internacionais continuarão a ocorrer, melhorando a estrutura e atraindo mais viajantes”, destaca Fernando.

Além disso, o setor aéreo aposta na automatização completa de todos os serviços de interface direta com o cliente (compra, check in, despacho de bagagem, embarque, upgrade de classe, alteração e antecipação de voo), no oferecimento de wi-fi em voos nacionais e internacionais, sistemas de entretenimento modernos e funcionais, com telas individuais touchscreen, e com conteúdo on demand.

E ainda em aeronaves mais confortáveis e eficientes em relação ao consumo de combustível, bem como na integração dos programas de fidelidade das empresas aéreas com outras indústrias, oferecendo diferentes opções de resgate e de acúmulo de pontos, além de passagens aéreas. E também, na redução do espaço na Classe Econômica e disponibilização de assentos premium pagos.

Outra tendência que se percebe é a diminuição do número de companhias aéreas, com a formação de grandes conglomerados globais e regionais. Isso inclui fusões e aquisições, bem como o fortalecimento das alianças internacionais, ampliação de acordos de compartilhamentos de voos e racionalização de rotas. O objetivo central é gerar resultados, através do aproveitamento de sinergias, ganhos de escala e redução de custos.

Todo esse cenário deixa o Grupo Master otimista, porque pode-se perceber uma retomada da economia. E, função disso, é possível fazer projeções de crescimento a curto prazo. “O nosso objetivo é sempre proporcionar a melhor experiência para os clientes e por isso, vamos continuar investindo para realizar isso”, ressalta Fernando.

Para os próximos três anos, o Grupo vai continuar investindo em tecnologia de auto serviço para o cliente (selfobooking). Nas plataformas de venda online serão oferecidos novos produtos e serviços, além do sistema Business Intelligence, da Microsoft. Lançado recentemente no mercado nacional, a ferramenta fornece ao gestor de viagens corporativas o que há de mais inovador em termos de gestão. O Grupo vai apostar ainda nas mídias sociais.

Outro destaque será o uso da inteligência artificial, sobretudo no atendimento ao cliente corporativo. O uso de uma interação inteligente promovida pela tecnologia trará uma programação específica para tirar dúvidas, realizar pesquisas e auxiliar na prestação de serviços.

Além disso, o grupo está implantando novas formas de proporcionar boas experiências de consumo. Para isso, no ambiente interno está sendo investido em plataformas de BPMS (Business Process Management System) e na integração de sistemas, para otimizar os processos.

O apoio as iniciativas direcionadas para a capacitação e engajamento dos profissionais Master continuará forte. Sendo que os projetos voltados para as premissas do GPTW (Great Place to Work) serão prioridade.

Lazer e trabalho juntos

Está em crescimento o bleisure travel (viagens de trabalho associadas a lazer), que, inclusive tem se tornado um estilo de vida. As pessoas estão viajando a trabalho e aproveitando para passear, acrescentando, muitas vezes um ou dois dias a mais na estadia. É um público que deve ser observado já que, no Brasil, de acordo com dados do MTur, o percentual de crescimento de viagens a trabalho foi de 400% de 2005 a 2015.

Além disso, uma das tendências do segmento de lazer é o impulso na mudança da forma de viajar, que consiste na vivência do destino e não só na visita. “O turista quer experimentar o lugar em que está e não apenas tirar fotos e ir embora. Esta intenção, atua em praticamente toda a indústria, fazendo referência aos diversos aspectos da viagem: cultura, meio de transporte, hospedagem, gastronomia e comportamento”, explica Fernando.

Outro viés da experimentação do destino é o turismo de descoberta que aproveita a vontade do turista de viver a cultura e se une à autenticidade da experiência. Nesse ponto, lugares que surgiram recentemente como opção de turismo possuem mais visibilidade por serem “inéditos” ou pouco explorados. É uma tendência também dos millennials. Pelo caráter de conquista e adrenalina, a expectativa é que destinos de aventura também sejam procurados pelos “turistas descobridores”.

Fonte: Poliana Napoleão

Crédito: Divulgação

 

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×