Quarta Feira, 19 de junho de 2019

Home / EDITORIAS  / Internacional  / Zelená hora – misticismo na República Tcheca

Zelená hora – misticismo na República Tcheca

5 portas, 5 capelas, 5 estrelas. A Igreja de São João Nepomuceno em Zelená hora é uma das mais originais construções da Europa e que segue encantando visitantes de todo o mundo. Monumento da UNESCO e obra do genial arquiteto Jan Blažej Santini Aichel é um local que deveria ser visitado por todos que apreciam a mística e inconfundível arquitetura relacionada à poderosa história de São João Nepomuceno, um santo tcheco.

A  história de São João Nepomuceno, que foi assassinado porque não quis revelar a confissão da rainha foi o motivo para a construção desta igreja. Depois de ser longamente torturado, São João foi jogado da Ponte Carlos ao rio Moldava e, segundo a lenda, nesse momento surgiram sobre sua cabeça, cinco estrelas e desde então o número 5 foi considerado o símbolo do santo.

Descubra o código Santini
O arquiteto Santini aproveitou de forma genial esta lenda ao desenhar a igreja na forma de uma estrela de cinco pontas.

O símbolo da estrela e o número 5 aparecem aqui muitas vezes. À sua volta estão 5 portas e 5 capelas; na igreja há 5 altares e no altar principal 5 estrelas centrais. Todo o recinto está cheio de símbolos místicos e mistérios. Especialistas investigam a entrada à passagem secreta que, segundo dizem, iria da igreja até o mosteiro no Palácio de Žďár.

Museu da nova geração
Ao visitar Zelená hora (a montanha verde), não se deve esquecer de  passar pelo antigo mosteiro cisterciense do século XIII, o  palácio  atual que fica muito perto  e traz o legado do construtor Santini. Na área se encontra o Museu da Nova Geração, a exposição contemporânea que  combina elementos relacionados com as vivências e os objetos expostos emprestados por importantes instituições tchecas. Esta exposição  multimídia dedicada a vivências foi dedicada ao legado dos monges cistercienses  e ao florescimento da arte barroca. É um singular projeto audiovisual, único na República Tcheca.

Quem estiver perto de Žďár nad Sázavou, poderá visitar também outros monumentos barrocos que estão relacionados ao nome de  Jan Blažej Santini, as igrejas de Bobrová, Obytčov o Zvole.

O que mais para visitar?

Quem planeja ficar pelo menos uns dias na região de Vysočina poderá sem dúvida visitar outras localidades interessantes. Com certeza ninguém se decepcionará com uma visita a um dos mais belos castelos da Morávia – Pernštejn. E quem quiser se sentir num verdadeiro conto de fadas deverá visitar  a cidade de Telč cuja praça é uma das mais bonitas da  Europa.

Descubra mais em #DestinoChequia

 

Fonte: CCCR — CzechTourism

Fotos: Divulgação/CCCR — CzechTourism

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×