Quarta Feira, 19 de setembro de 2018

Roma

A temporada de contatos jornalísticos e empresariais na Europa iniciaram com importante reunião, em Roma, seguida de almoço no Restaurante Rossini, com o Diretor-Geral do tradicional Hotel Quirinale, Domenico Miloni . O executivo italiano, que dirige um importante e histórico Hotel 4 estrelas da capital italiana, declara-se um amigo do Brasil, já tendo estado em Belo Horizonte para contatos com agentes de viagens mineiros. Domenico afirmou ser amante da comida mineira, destacando o Restaurante Dona Lucinha, onde degustou as iguarias de Minas e, naturalmente, a nossa caipirinha. O Hotel Quirinale fica em ponto nobre de Roma, na Via Nazionale, bem perto da Piazza Venezia, Colosseo e Fontana de Trevi.
Uma curiosidade sobre o Hotel Quirinale, é que opera como hotel desde o final do século XIX, época da reunificação da Itália. Quando da invasão da Itália pelas Forças Aliadas, no final da II Guerra Mundial (1939-45), o Hotel foi o QG dos vencedores Austrália e Nova Zelândia. Antes, partidários de Mussolini e do Fascismo tinham O Quirinale como um dos locais preferidos para reuniões políticas de apoio a Hitler e ao Nazismo.

 

O Diretor do Hotel Quirinale, em Roma, Domênico Miloni, recebe os jornalistas Antônio Claret Guerra e Suely Calais Guerra, para almoço de negócios

Crédito ARQUIVO PESSOAL

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×