Quarta Feira, 18 de julho de 2018

Home / NOTÍCIAS  / TURISMO GASTRONÔMICO

TURISMO GASTRONÔMICO

ü Preparamos uma lista com os restaurantes mais premiados do Peru, considerados imperdíveis enquanto visita a capital do país, com dicas de pratos especiais.

Especializado em comida amazônica, o restaurante Amaz é uma das opções imperdíveis de Lima. Foto: Ernesto Benavides/PROMPERÚ

 

Fotos de divulgação dos restaurantes e respectivos pratos

Além de ser um dos destinos mais reconhecidos em todo o mundo por sua história, natureza e cultura, o Peru também propõe um passeio no mundo gastronômico capaz de atrair qualquer viajante. A sua culinária não é apenas uma das melhores da América Latina (10 restaurantes do país compõem a lista dos 50 melhores da América Latina), mas também uma das maiores referências globais por seu multiculturalismo e grande qualidade e variedade de pratos . Não é coincidência que há alguns meses e, pelo sexto ano consecutivo, o Peru foi premiado com o “Melhor Destino Culinário do Mundo” no World Travel Awards 2017.O fenômeno da gastronomia peruana é explicado por sua diversa quantidade de insumos terrestres e marítimos. A matéria-prima e os produtos que são colhidos em terras peruanas tornam possível que a consolidação e o posicionamento culinário do país sejam cada vez mais reconhecidos. É por isso que no Peru – especialmente em sua capital, Lima – é possível encontrar várias especialidades e cozinhas tradicionais, e alguns restaurantes premiados a nível mundial para brindar seus visitantes da melhor maneira. Conheça alguns desses lugares – e pratos – imperdíveis:

CENTRAL

É a estrela mais brilhante no universo culinário do Peru. Está classificado como o segundo melhor restaurante da América Latina e o quinto melhor do mundo pela sua reconhecida culinária de renome do chef Virgilio Martínez. Sua filosofia recupera a tradição pré-colombiana de troca e intercâmbio entre as comunidades da costa, das montanhas e da selva, com ingredientes de altitudes de até 3.500 metros até o nível do mar, com todos os tipos de peixes e mariscos. O menu destaca as vieiras temperadas com rocoto peruano picante e transformadas em uma crosta com textura de merengue, e os clientes podem escolher para acompanhar seus pratos uma seleção de batatas peruanas decorada com muña, uma espécie de menta andina e lascas de alpaca.

 

MAIDO

É o número um na América Latina – 8° a nível mundial – e é reconhecido pela sua cozinha nikkei. Maido está localizado no coração do bairro de Miraflores e guarda o tesouro dos segredos da cozinha japonesa, uma tradição cheia de detalhes que o chef Mitsuharu Tsumura tem se destacado em administrar e complementar com os sabores do Peru. O menu oferece uma grande variedade de pratos que são servidos de quatro maneiras: no seu balcão, niguiris, ‘o entretempo’ e ‘de sua cozinha’.

 OSSO

Reconhecido por apresentar a melhor culinária de carnes, o restaurante Osso se destaca como a melhor grelha de luxo do Peru, com a peculiaridade de ter começado como um açougue. Inicialmente, o chef Renzo Garibaldi começou a convidar amigos para desfrutar de sua churrasqueira privativa ao redor da mesa de madeira para provar o resultado do processo de envelhecimento de diferentes cortes de carne (alguns por até 12 meses). Com as enzimas decompondo a carne e transmitindo camadas complexas de sabor, o chef começou a receber pedidos de outros públicos dispostos a compartilhar a experiência. Osso pode ser o restaurante menos autenticamente peruano nesta lista, mas também pode ser o melhor lugar na América do Sul para comer carne.

 ISOLINA

Com base nas receitas tradicionais de Lima, o menu desenvolvido pelo chef José del Castillo propõe um passeio culinário de luxo pela cozinha caseira da região. Isolina, batizado assim em homenagem à mãe do chef, se apresenta como um charmoso casarão barranquino (localizado no bairro de Barranco), onde são servidos os melhores pratos representativos da cozinha criolla de Lima, como o pão crocante com pejerrey (tipo de peixe) ou ovo; a costela de porco a la chorrillana, acompanhada de um cremoso caldo de milho, fígado com cebolas, tortilla de cérebro, cau cau con sangrecita (espécie de dobradinha, feita com tripas, acompanhada de batatas), rins com vinho tinto e diferentes tipos de ceviche. O lugar é uma viagem perfeita no tempo, acompanhada de um prato caseiro, requintado e abundante.

 AMAZ

É a referência latino-americana por excelência da cozinha amazônica. Com um amplo conhecimento da região e um foco particular nos ingredientes frescos e tradicionais da floresta, o chef Pedro Miguel Schiaffino impõe seu toque selvagem aos pratos como o ceviche, o tacacho (feito a base de banana) e a cecina (espécie de carne desidratada). Mesmo o menu de bebidas oferece uma interessante variedade de frutas raras e desconhecidas da despensa amazônica que o posicionam como um dos mais escolhidos da América Latina.

FIESTA

Localizado no bairro de Miraflores e dirigido pelo chef Héctor Solís, o Fiesta é o melhor representante da cozinha peruana do Norte. Foi lá que Solís conseguiu fazer com que a comida regional de sua cidade natal Chiclayo entrasse na categoria das grandes comidas gourmet. O arroz com pato a la chiclayana, o chinguirito (espécie de ceviche feito com o peixe típico da região chamado guitarra) e o espesado são as especialidades da casa, que leva esse nome pela união familiar e a atmosfera festiva que caracterizava a residência Solís durante a infância do chef.

LA MAR

Reconhecido muldialmente pela sua culinária de peixes e mariscos, La Mar propõe a seus comensais serem cativados por um criativo repertório de ceviches a cargo do chef Andrés Rodríguez, chef leal do império gastronômico de Gastón Acurio, dono do restaurante. Além dos extravagantes ceviches com polvo, ouriço-do-mar, camarões e garoupa, la chalaca de causas, com caranguejo, molho derretido, abacate e molho tártaro são os pratos mais solicitados.

WA LOK

Destacado como o melhor exemplo expoente da comida peruana-chinesa, Wa Lok é apresentado como um restaurante oriental com uma grande variedade de pratos em 15 categorias diferentes. Reúne com perfeição uma mistura culinária entre a transcendental comida chinesa e a vasta despensa peruana que encanta todos os seus convidados. Com este estilo peculiar o lugar se caracteriza como a alternativa ideal para um agradável almoço familiar.

EL RINCÓN QUE NO CONOCES

Ícone da culinária afro-peruana e destaque por sua cozinha criolla cheia de tradição, este restaurante fundado pela chef Teresa Izquierdo – e atualmente administrado por sua filha Elena – inclui uma grande quantidade de guisados ​​que variam diariamente, onde se pode saborear mais de 30 pratos entre entradas e pratos principais da melhor cozinha criolla, bem como uma seleção de sobremesas tradicionais.

VEDA

Cozinha com filosofia. Percy García, chef do restaurante Veda, localizado no bairro de Miraflores, promove a comida sem açúcar, glúten, lácteos e sem qualquer tipo de alimento de origem animal e, claro, sem perder nem uma pitada do reconhecido tempero peruano.

O Peru tornou-se um sinônimo da gastronomia internacional. É por isso que, para cada tipo específico de cozinha reconhecida no mundo, existe um restaurante peruano que se destaca como especialista no campo. Visitar Lima exige, quase que de maneira obrigatória, uma deliciosa parada culinária em pelo menos algum desses lugares.

 

Turismo do Peru: http://www.peru.travel/pt-br/

 

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×