Sábado, 17 de novembro de 2018

Home / DESTAQUES AGÊNCIA DE NOTÍCIAS  / entrevista | Julvan Lacerda

entrevista | Julvan Lacerda

Lançamento do livro “Moema, Doce Terra de Minas”, de Jacinto Guerra

Fui surpreendido, em Moema, senhor prefeito, pelo seu grande entusiasmo com o livro “Moema-Terra Doce de Minas”, imediatamente após minha palestra a respeito desse projeto editorial. Qual a sua visão a respeito de livros dessa natureza para os municípios brasileiros?
É de grande importância para preservar a história de cada município. As gerações passam e, muitas vezes, a história fica esquecida. Então, esse tipo de livro tem a condição de registrar, guardar para a posteridade os acontecimentos da construção do dia a dia de cada município. Uma construção feita pelo povo. Vejo como uma iniciativa muito louvável e que os municípios devem apoiar.

Qual sua opinião a respeito de investimentos culturais em nossos municípios nas áreas de arte, cultura e turismo, especialmente edição de alguns livros especiais, realização de eventos, criação de bibliotecas, museus, incentivos à criação e desenvolvimento de instituições culturais e outras iniciativas desta área?
Os investimentos culturais devem ser colocados como prioridade nas prefeituras. Nós, aqui mesmo, remodelamos a nossa biblioteca, incentivamos lançamentos de livros de moemenses, todos os anos, no aniversário da cidade, ou na inauguração de alguma obra. A gente está com nossos escritores, valorizando-os, lançando os livros deles, porque é uma forma de o município incentivar o desenvolvimento cultural e intelectual do seu povo.

A cidade de Moema vem se destacando, nos últimos anos, com uma surpreendente atuação de cidadãos do lugar, brilhando nas artes, na ciência e na educação, inclusive em outros países, o que isso poderá resultar em benefício da educação, cultura e turismo na cidade?
O destaque de moemenses na cultura, astrofísica, em diversas áreas de destaque nacional e internacional é muito bom porque serve como exemplo para incentivar as próximas gerações a também trabalharem para poder se desenvolverem e serem boas no que fazem; ter perspectivas de desenvolvimento pa ra poderem alçar voos mais altos, no sentido de se aperfeiçoarem e levarem o nome da nossa cidade positivamente para fora.

Quais os seus projetos e programas principais no Governo Municipal de Moema e na administração da Associação Mineira de Municípios?
O principal projeto nosso na prefeitura é fazer uma administração que seja exemplo de ética, moral, transparência, condução da coisa pública com seriedade, para construir uma cidade melhor de se viver, em que tenha mais saúde, educação, segurança pública. Um lugar em que a gestão pública seja vista como uma representatividade da população. E na Associação Mineira não pode ser diferente. A gente se pauta na imparcialidade, na condução segura e firme, na defesa do municipalismo, sem dono. A presidência da Associação não pode ter dono. A Associação não pode ser um braço do Governo do Estado. Ela tem que se pautar em princípios fortes que possam defender a sua causa sem estar presa a ninguém; sem se curvar diante de interesses de grupos partidários ou pessoas.

Qual a sua mensagem final aos leitores desse livro, que são muitos em Moema, em nossa região e até em lugares diversos do Brasil e de outros países?
É uma obra que muito orgulha todos nós de Moema. Com certeza será uma leitura prazerosa, pois estaremos lendo sobre a nossa cidade, nossa história. Que todos tenham uma boa leitura e divulguem essa obra entre parentes, amigos e conhecidos.

FOTOS DIVULGAÇÃO/AMM

Julvan Lacerda

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×