Terça Feira, 20 de agosto de 2019

Home / DESTAQUES  / 9 lugares no Rio de Janeiro para imergir na época do império

9 lugares no Rio de Janeiro para imergir na época do império

Muitos anos se passaram após a instauração da República, mas ainda é possível vivenciar os tempos imperiais nas visitas ao Rio de Janeiro. É um roteiro diferente, passando por locais históricos como museus e igrejas. Conheça alguns lugares para imergir na história do Brasil.

Roteiro para imergir na época do império no Rio de Janeiro

Que tal curtir um passeio diferente pela Cidade Maravilhosa? São muitas as opções, mas hoje vamos falar sobre imergir na época do império, preparado?

Então, anote os locais que você pode visitar e conhecer um pouco da história da cidade. Aproveite e faça um tour imperdível no Rio de Janeiro a pé para contemplar essa parte tão importante do município!

  1. Paço Imperial    

Conhecido como Paço Real na época imperial, ele foi a primeira casa da Família Imperial do Brasil. Também foi palco onde ocorreram acontecimentos importantes como a chegada de D. Leopoldina, Dia do Fico e a coroação de D. João VI. Hoje, se transformou no Centro Cultural da cidade, com peças teatrais, shows, exposições e conferências.

  1. Biblioteca Nacional

Possui um acervo que foi criado logo depois de ocorrer a Real Biblioteca sofrer um incêndio, em Lisboa. Tudo foi trazido em 3 etapas para o Brasil, sendo possível encontrar cartas e retratos de Dom Pedro II, bem como de sua esposa Theresa Cristina.

  1. Parque Quinta da Boa Vista e Museu Nacional

 

 

Situada no Bairro São Cristóvão, sendo a antiga casa da realeza portuguesa. O parque abriga o Museu Nacional e tem cerca de 155.000m². Os jardins atraem muitos visitantes que desejam fazer um piquenique e o local também possui lagos e cavernas.
O palácio do parque, de estilo neoclássico, era o lar da Família Imperial Brasileira, sendo uma das principais instituições de história nacional e antropologia da América Latina.

  1. Jardim Botânico

 

 

 

Chamado por D. João VI de Jardim da Aclimação por ter como foco,proporcionar um clima ideal para as especiarias que trouxeram das Índias Orientais. Depois, o Jardim recebeu o nome de Real Horto. O lugar fica aberto para o público desde 1822.

  1. Museu Nacional de Belas Artes

Possui um acervo que conta com telas de Debret, Pedro Meirelles, compondo uma coleção com 15.000 peças, em média, incluindo algumas da coleção particular de D. João VI. É o principal museu expondo as artes brasileiras do século 19.

  1. Ilha Fiscal

É muito conhecida por ter sido o cenário do “Último baile do Império”, que ocorreu dias antes da Proclamação da República. Atualmente está entre as principais atrações turísticas da cidade, tendo seu acesso normalmente realizado por escuna. Conta com três exposições que são permanentes, sendo que uma delas conta a história e importância da Ilha Fiscal.

  1. Real Gabinete Português da Leitura

Coleciona o acervo mais valioso de autores portugueses fora de Portugal, com 400 mil títulos, em média. Entre as obras raras, encontra-se a primeira edição de “Os Lusíadas”. Na época foi construído por portugueses que moravam no Brasil para valorizar a cultura portuguesa.

  1. Floresta da Tijuca

Ela teve seu reflorestamento natural iniciado após uma desapropriação no século 19. É um lugar rico em flora, fauna e fontes. Abriga a Cascatinha Tauany, a mais conhecida e mais alta cascata do parque.

  1. Igreja Nossa Senhora da Glória do Outeiro

 

A igreja ganhou destaque histórico por conta da chegada da corte portuguesa, em 1808. Foi cenário do batizado da Princesa Maria da Glória, iniciando a tradição em que os integrantes da família Bragança que nasciam no Brasil, tinham que ser batizados ali.

Então, preparado para um tour pela época do império?

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×