Terça Feira, 10 de dezembro de 2019

Home / EDITORIAS  / Nacional  / Cataratas do Iguaçu

Cataratas do Iguaçu

Além da forte cultura, uma das Sete Maravilhas da Natureza é outro grande elo entre Brasil e Argentina

Certamente você já ouviu alguém perguntar: Qual o lado mais bonito das Cataratas do Iguaçu? O argentino ou o brasileiro? Podemos garantir que mesmo nessa brincadeira de “competição” só perde quem não conhece os dois lados do atrativo. A natureza em sua criação não delimitou este ou aquele lado, e a formação divina, fez das Cataratas, uma obra de arte impossível de ser apreciada em sua plenitude conhecendo apenas um dos Parques Nacionais.

O recomendável é conhecer uma das Sete Maravilhas da natureza dos dois lados e tirar as próprias conclusões. Você no mínimo vai sair com as energias renovadas e querendo repetir o passeio por quantas vezes mais for possível. Ambos os parques proporcionam um intenso contato com a natureza por meio de diferentes percursos.

Quem vem a Foz do Iguaçu, consegue com facilidade desbravar tudo o que há de melhor na Tríplice Fronteira. Na Argentina, por exemplo, além da gastronomia que envolve a todos, as Cataratas do Iguazú, em Missiones, também deixam sua marca pra vida toda. Para que todos possam desfrutar, o parque conta com acessibilidade e atendimento especializado

Esse imponente atrativo convida a todos a uma reflexão sobre a conservação. Inclusive, o trem que transporta os visitantes é ecológico, ele foi desenvolvido exclusivamente para o passeio, tendo baixo impacto. A ideia principal é cuidar do planeta e despertar os sentidos: aromas, variações climáticas e os sons da mata que fazem parte desta incrível experiência. No percurso é possível parar na Estação Cataratas e Estação Garganta do Diabo. Quem preferir pode fazer o trajeto a pé, contemplando lentamente os 655 metros do Caminho Verde.

São duas as opções de trilha para o desbravamento do Parque Nacional. No passeio superior, por meio de passarelas planas, o visitante caminha por cima do Rio Iguazú tendo uma vista panorâmica e privilegiada, até chegar ao ponto mais fascinante: a Garganta do Diabo com mais de 80 metros de queda d’água.

No passeio inferior, o turista prestigia vistas intermináveis de diferentes ângulos, aprecia saltos em todo o seu esplendor. Além disso, pode sentir as mais diferentes sensações durante a caminhada mata a dentro podendo ver de perto a vegetação, aves, quatis e borboletas. Ao final, tem a oportunidade de parar debaixo das Cataratas do Iguazú. Uma experiência única, indescritível em que só é possível sentir e agradecer.

Temos certeza que ao visitar os dois lados, você irá ter uma simples resposta para pergunta inicial, de que não existe lado mais bonito e sim, um atrativo único e que só podemos afirmar conhecer, ao contemplar como um todo o atrativo caprichosamente desenhando entre os dois países.

Serviço

Parque Nacional do Iguazú – Cataratas de Iguazú

Telefones para informações:

Argentina: 0800 – 266 – Iguazu (4482) / Do exterior: +54 (011) 5258-7318

www.iguazuargentina.com / info@iguazuargentina.com

Puerto Iguazú – Misiones – Argentina

Horário de funcionamento: 8h às 18h, horário local Argentina (Inclusive Domingos e Feriados)

Para chegar, lembre-se sempre de portar carteira de motorista, ou identidade, ou passaporte dentro da validade. Existem inúmeras empresas de receptivos que fazem o transporte, além do transporte público. Se optar pelo veículo próprio, chamamos a atenção ao seguro carta verde, item obrigatório nos países do Mercosul.

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×