Sábado, 23 de março de 2019

Home / EDITORIAS  / Internacional  / Holanda homenageia sua Era de Ouro e a vida de Rembrandt em 2019

Holanda homenageia sua Era de Ouro e a vida de Rembrandt em 2019

Rembrandt van Rijn é um dos mais famosos grandes mestres holandeses, e um dos principais expoentes da chamada Era de Ouro da Holanda, reconhecida pelo poder marítimo, comercial e econômico e a contribuição para as artes no século XVII. Em 2019, serão 350 anos desde que ele morreu e sua vida e herança artísticas serão celebradas com eventos por todo o país.

Nascido em Leiden em 1606, Rembrandt passou seus anos de formação se dedicando à arte da pintura. Seu diferencial era a ampla gama de assuntos, incluindo retratos e autorretratos, paisagens, cenas alegóricas e históricas, temas bíblicos e mitológicos e estudos com animais. Embora influenciado pelo trabalho dos mestres italianos, Rembrandt nunca deixou seu país. Hoje, turistas de todo o mundo visitam museus na Holanda para conhecer pessoalmente suas obras mais famosas e em 2019 terão a oportunidade de conhecer mais a fundo a relação do artista com um dos períodos mais marcantes da história do país.

Confira os destaques da programação:

Leiden, cidade natal do artista, recebe Young Rembrandt no Museu de Lakenhal até 9 de fevereiro de 2020, onde estão os primeiros trabalhos do pintor, de 1624 a 1634, que permitirá aos visitantes que compreendam como seu talento se desenvolveu ao longo dos anos.

No Museu da Frísia, em Leeuwarden, Rembrandt e Saskia: Amor na Era de Ouro: O relacionamento de Rembrandt com Saskia van Uylenburg, filha de um antigo prefeito de Leeuwarden, é o tema da exposição onde os visitantes descobrem os meandros de um casamento da alta sociedade durante o século XVII desde os primeiros estágios do namoro até os momentos difíceis da união, como a morte de herdeiros e o adultério. Retratos de casamento, esboços íntimos e objetos pessoais recontam uma das mais conhecidas histórias de amor da Era de Ouro Holandesa até 17 de março de 2019.

Em Haia, de 31 de janeiro a 15 de setembro de 2019, a Mauritshuis fará Rembrandt na Mauritshuis: local que guarda uma das mais importantes coleções de Rembrandts no mundo. Para a ocasião, o museu exibirá todas as 18 pinturas que foram adquiridas como “Rembrandts”. Onze ainda são consideradas criações autênticas ou foram reatribuídas a ele, como A Lição de Anatomia do Dr. Nicolaes Tulp, Saul e David e o autorretrato final de 1669. A apresentação também inclui cinco obras não mais atribuídas ao mestre, e duas cuja a autoria ainda não pode ser confirmada.

Entre 28 de abril e 8 de setembro de 2019, o Haags Historisch Museum apresenta A Era de Ouro em Haia: assim como hoje, na Época do Ouro a cidade de Haia era o centro do poder e da política da Holanda. Os Oranjes, regentes poderosos, residiam lá. Ao redor do Binnenhof, o mais antigo centro governamental do mundo, surgiram impressionantes palácios para diplomatas e cidadãos ricos. A exposição analisa a sociedade de Haia durante esse período e explora as diferenças entre nossa percepção do período e a realidade.

O Rijksmuseum, em Amsterdã, apresenta entre 15 de fevereiro a 10 de junho de 2019 Todos os Rembrandts, pois é dono da maior coleção de Rembrandts do mundo. O museu colocará todas as obras do pintor em exibição ao mesmo tempo. Visitantes poderão admirar 22 pinturas, 60 desenhos e 300 gravuras e descobrir porque ele é considerado um dos melhores artistas da história até hoje.

Também no museu nacional da Holanda, o Rijks recebe, de 11 de outubro de 2019 a 19 de janeiro de 2020, a Rembrandt-Velázquez, exposição dos melhores trabalhos de mestres holandeses e espanhóis da Era de Ouro. Uma colaboração única com o Museu do Prado, de Madri, que também exibirá Velázquez, Murillo e Ribera, juntamente com obras dos principais nomes da época na Holanda: Rembrandt, Vermeer, Hals e outros.

A Rembrandthuis, museu que funciona na antiga residência do artista, vai recriar o Laboratório Rembrandt – entre 21 de setembro de 2019 a 16 de fevereiro de 2020, onde novas percepções sobre o talento do mestre serão reveladas. Visitantes vão conhecer as características de desenhos do mestre holandês e as que outros adicionaram à pintura mais tarde.

Saiba mais sobre os eventos: https://bit.ly/2yqw3Bf

Sobre a Holland Alliance

Composta por três empresas, NBTC Holland Marketing, KLM Royal Dutch Airlines e Aeroporto Schiphol, a Holland Alliance chegou ao Brasil em 2012 para uma campanha conjunta de promoção da Holanda. Com o objetivo de divulgar o destino por meio de seus aspectos culturais, estilo de vida holandês e belezas naturais, a Holland Alliance conta ainda com o apoio de diversas instituições ligadas ao turismo local. Para mais informações, acesse: www.holland.com e no Facebook Visit Holland

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×