Sexta Feira, 18 de outubro de 2019

Home / DESTAQUES  / Agenda de concertos dos Órgãos Históricos de Minas Gerais – Abril de 2019

Agenda de concertos dos Órgãos Históricos de Minas Gerais – Abril de 2019

Órgão da Matriz de Santo Antônio – Tiradentes/MG

12/04 – sexta-feira 

20h – Marília Vargas (soprano) Elisa Freixo (órgão) 

Marília Vargas é uma das mais ativas e respeitadas sopranos brasileiras, com uma intensa carreira de concertos. 

Sua primeira apresentação foi aos 12 anos, como o pastorzinho da ópera Tosca, no Teatro Guaíra, em Curitiba/PR. Formou-se em canto barroco na Schola Cantorum Brasiliensis (Suíça, 2001)  e obteve o “Konzert Diplom” em Lied e Oratório na classe de Christoph Prègardien, no Conservatório de Zurique (Suíça, 2005), onde foi laureada summa cum laude. Fez masterclasses e aperfeiçoamentos com Montserrat Figueras, Silvana Bartoli Bazzoni e Barbara Bonney. Apresenta-se regularmente como solista com diversas orquestras no Brasil e na Europa, atua com diversos Ensembles de Música Antiga. É professora convidada dos mais importantes Festivais de Música e universidades de diversos países e idealizadora e diretora artística da I Mostra de Música Antiga de Curitiba.

19/04 – sexta-feira 

Não haverá concerto – Sexta-feira da Paixão

26/04 – sexta-feira 

20h – Thiago Tavares (órgão) 

Ingressos a partir de R$ 40,00 (inteira) e R$ 20 (meia) – Crianças a partir de 5 anos

Casa da Elisa – Tiradentes/MG

18 a 21/04 – Semana Santa

Curso “A Paixão Segundo São João, de J. S. Bach” 

Informações e inscrições: efreixo@terra.com.br

19/04  – sexta-feira

12h15 – Apresentação dos instrumentos musicais da Casa da Elisa

20/04  – sábado

12h15 – Apresentação dos instrumentos musicais da Casa da Elisa

18h30 – Apresentação dos instrumentos musicais da Casa da Elisa

Informações e ingressos: (32) 98812-8512 

Órgão da Matriz de Santo Antônio – Tiradentes

Exemplar do século XVIII, o órgão daMatriz foi encomendado em 1785 ao organeiro português Simão Fernandes Coutinho, na cidade do Porto. A Vila de São José do Rio das Mortes, nossa atual Tiradentes, vivia a efervescência musical do período barroco e o órgão acompanharia a liturgia e as celebrações familiares. Restaurado agora de modo pleno, o órgão da Matriz de Santo Antônio é motivo de orgulho. Voltou a ser um dos centros da vida comunitária, religiosa, cultural e musical da cidade de Tiradentes. 

Toda essa história continua viva por causa do trabalho incansável da organista Elisa Freixo, responsável pela manutenção dos instrumentos.

redacao@mgturismo.com.br

Agência de Notícias do Turismo, noticiário de MG, do Brasil e exterior em tempo real. O mais tradicional jornal especializado em turismo de Minas Gerais, com circulação ininterrupta desde 1985.

Avalie esta notícia:
0 Comentário

Sorry, the comment form is closed at this time.

Leia a Edição

Edições Anteriores

Confira os destaques

Nenhuma matéria foi encontrada.

×