Notícias

Madrugada em Paris’ chega aos cinemas dia 24 de março em Aracaju, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo

LONGA-METRAGEM DO DIRETOR ELIE WAJEMAN INTEGROU A SELEÇÃO DO FESTIVAL DE CANNES E DO FESTIVAL VARILUX DE CINEMA FRANCÊS

Denso e sombrio, o drama “Madrugada em Paris“, de Elie Wajeman, estreia nos cinemas dia 24 de março em Aracaju, Belo Horizonte, Curitiba, Brasília, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo depois de passar pelos festivais de Cannes e Varilux de Cinema Francês, ambas edições de 2021. Distribuído pela Bonfilm, o longa traz o ator Vincent Macaigne no papel de um médico noturno, um profissional que trabalha durante a noite e na madrugada atendendo pacientes em suas residências.
Divulgação/ Partizan Filmes

O longa-metragem se passa em um só dia, e a maioria das cenas são noturnas, mostrando uma Paris pouco conhecida do público. O personagem principal, o médico Mickaël Kourtchine, interpretado por Macaigne, tem problemas de sobra. Seu casamento está em crise e se sente dividido entre a mulher e a amante. Desgastado emocionalmente com o trabalho, pensa se não é o momento de mudar de emprego. Seu atendimento aos pacientes viciados levanta suspeitas sobre o excesso de medicamentos liberados e a participação em um esquema de receitas falsas para ajudar o primo farmacêutico (Pio Marmai) vai levá-lo ao limite e colocar sua vida em risco.

Em entrevista ao site Cineuropa, o diretor Elie Wajeman contou que ao pensar na história do filme quis “criar um médico noturno e misturar filme noir com intriga criminosa“. E ao pesquisar sobre esses profissionais, achou que daria um ótimo personagem fictício e permitiria mostrar a intimidade das pessoas em suas casas, além de uma Paris underground, bem menos conhecida. “Eu queria tratá-lo como um personagem puramente fictício, uma espécie de detetive particular que viaja pela perigosa cidade grande”.

Para dar veracidade ao longa-metragem, o diretor se encontrou com profissionais especializados em tráfico de medicamentos; conversou com farmacêuticos sobre meandros da profissão; assistiu a julgamentos de envolvidos com o tráfico de Subutex, o remédio usado pelos viciados; além de ter acompanhado o trabalho dos médicos noturnos.

gTrailer: https://www.youtube.com/watch?v=9ldcvXj0Baw&feature=youtu.be

 “Um film noir, áspero e tenso, carregado por um majestoso Vincent MacaigneLes Echos

Médecin de nuit” é um filme repleto de urgência, que nos convida a refletir sobre a condição precária e frágil na qual muitas pessoas ainda se encontram, nos remetendo a uma nudez existencial, ao mesmo tempo que revela a beleza do dia”Culturopoing.com

Ficha técnica
Madrugada em Paris (Médecin de Nuit)Com: Vincent Macaigne, Sara Giraudeau, Pio Marmai
Direção: Elie Wajeman
Distribuição no Brasil: Bonfilm 
Sinopse: Mikaël é um médico noturno. Ele cuida de pacientes de bairros vulneráveis, mas também daqueles que ninguém quer ver: os viciados. Dividido entre a mulher e a amante e arrastado pelo primo farmacêutico para um perigoso esquema de receitas falsas, sua vida se torna um caos. Mikaël não tem escolha: esta noite, ele deve decidir seu destino.