Notícias

Agostinho Patrus participa de homenagem ao presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco

Em evento promovido pelo MPMG, presidente da ALMG reafirmou compromisso do Parlamento mineiro na defesa dos interesses da população

O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), deputado Agostinho Patrus (PV), participou nesta segunda-feira (7/6) de uma homenagem que o Ministério Público do Estado de Minas Gerais (MPMG) e a Associação Mineira do Ministério Público (AMMP) prestaram ao presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco, o primeiro senador eleito por Minas a presidir a Casa Legislativa desde o processo de redemocratização no país.

“Essa justa homenagem, além de exaltar a vida pública do senador, faz um resgate da trajetória de Rodrigo Pacheco, também, como integrante do MPMG, instituição à qual ele chegou a servir ainda como estagiário”, disse o presidente da ALMG. Patrus ainda salientou a parceria entre os Parlamentos estadual e federal em prol dos mineiros. “O senador Rodrigo tem na Assembleia uma instituição parceira na defesa das causas e demandas mais importantes da população mineira”, afirmou.

O presidente Rodrigo Pacheco defendeu, em seu discurso, os “fundamentos da República, como soberania, cidadania, pluralismo político e livre iniciativa”. O senador também destacou a importância da independência do Legislativo. “Todo e qualquer sopro, arroubo ou bravata que possa retroceder a democracia e o Estado Democrático de Direito no Brasil deve ser repelido pela classe política, pela magistratura, pela advocacia, pela sociedade como um todo. Daí vem a premente necessidade de independência do Parlamento”, afirmou Pacheco.

O evento aconteceu na sede do MPMG, em Belo Horizonte. Também participaram, de forma presencial ou remota, o procurador-geral de Justiça do Estado, Jarbas Soares Júnior; o senador Antonio Anastasia; o presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro Humberto Martins; o governador Romeu Zema; o presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, desembargador Gilson Soares Lemes; o defensor Público-Geral do Estado, Gério Patrocínio Soares; entre outras autoridades.