Notícias

Agostinho Patrus reafirma compromisso com o desenvolvimento de Minas

Agostinho Patrus (presidente da ALMG - PV/MG)

“A primazia desta Casa sempre foi, é, e continuará a ser, a do interesse público”, destacou, ao ser empossado no cargo de presidente reeleito da ALMG

“Um plano de desenvolvimento que apoie a retomada gradual das atividades econômicas em Minas, a ser implantado de forma justa, dinâmica e distributiva”. Esta é a principal proposta a ser viabilizada pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), nos próximos anos, segundo o presidente do Parlamento mineiro, deputado Agostinho Patrus (PV). O compromisso foi firmado nesta segunda-feira (1/2), durante solenidade de posse da nova Mesa Diretora da ALMG para o biênio 2021-2023.

Reeleito ao cargo de presidente por unanimidade, ele afirmou que conduzirá as ações do Legislativo mineiro tendo como inspiração o plano de desenvolvimento implantado pelo ex-presidente da República, Juscelino Kubitschek. “Vivemos tempos em que coexistem crises diversas e simultâneas, que devem ser enfrentadas e vencidas”, reforçou Agostinho Patrus, acrescentando que são necessárias “ações calcadas numa verdadeira filosofia social”.

Alencar da Silveira Jr. (3º- vice-presidente da ALMG – PDT/MG),Doutor Jean Freire (2º- vice-presidente da ALMG – PT/MG), Antonio Carlos Arantes (1º- vice-presidente da ALMG – PSDB/MG), Agostinho Patrus (presidente da ALMG – PV/MG), Tadeu Martins Leite (1º- secretário da ALMG – MDB/MG),Carlos Henrique (2º- secretário da ALMG – Republicanos/MG),Arlen Santiago (3º- secretário da ALMG – PTB/MG)

“Já dizia o profeta do desenvolvimento, que traçou os rumos do nosso Estado e do País: a bandeira de nossas bandeiras é a esperança”, destacou, ao parafrasear JK. “No momento em que é renovada a confiança desta Casa, renovo também meu entusiasmo e minha crença na força realizadora do Parlamento mineiro. A primazia da ALMG sempre foi, é, e continuará a ser, a do interesse público”, ressaltou Agostinho Patrus.

Neste sentido, o presidente também saudou os demais parlamentares. “A Assembleia é a arena adequada para a discussão sobre a retomada do crescimento”, disse, ao destacar que “são necessários coragem e ímpeto para o enfrentamento do coronavírus e para o debate de pautas relevantes ao Estado”. “A economia é um dos vieses do desenvolvimento. Contudo, sua centralidade não está no capital, e sim no ser humano”, completou.

Autoridades presentes

Estiveram presentes na solenidade a reitora da Universidade Federal de Minas Gerais, Sandra Goulart Almeida; o governador Romeu Zema; o presidente do Tribunal de Justiça de Minas, Gilson Soares Lemes; o procurador-geral de Justiça, Jarbas Soares Júnior; o defensor público-geral, Gério Patrocínio; o presidente do Tribunal de Contas de Minas, Mauri Torres; entre outras autoridades. A ministra do Supremo Tribunal Federal, Cármen Lúcia, participou de forma remota.

Em seu discurso, Romeu Zema fez questão de destacar a liderança de Agostinho Patrus à frente do Parlamento mineiro. Na cerimônia, também tomaram posse os outros seis deputados integrantes da Mesa: Antonio Carlos Arantes, 1º-vice-presidente; Doutor Jean Freire, 2º-vice; Alencar da Silveira Jr., 3º-vice; Tadeu Martins Leite, 1º-secretário; Carlos Henrique, 2º-secretário; e Arlen Santiago, 3º-secretário. A solenidade foi marcada, ainda, por uma homenagem às vítimas da covid-19 no Brasil.