Notícias

Após duelo bem disputado, Minas termina em segundo na Copa Brasil Interclubes de Judô

A disputa pelo título da 1ª edição da Copa Brasil Interclubes de Judô, entre Minas e Pinheiros, foi decidida apenas no confronto desempate, após muitos duelos emocionantes. O Minas saiu na frente e abriu 2 a 0, mas o Pinheiros reagiu e venceu por 4 a 3. O grande destaque do time minastenista foi a judoca Maria Taba, que foi eleita a melhor atleta da competição no feminino e ainda levou o prêmio de “Ippon de Ouro”. Também na tarde deste domingo (29/11), o Clube Paineiras do Morumby venceu o Sesi-SP, por 4 a 0, e faturou a medalha de bronze.

A Copa Brasil Interclubes de Judô foi organizada pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ) e realizada no Centro de Treinamento do Futebol Clube Ska Brasil, em Santana de Parnaíba (SP), seguindo protocolos de biossegurança.

O Minas contou com os atletas Júlio Koda Filho (73kg), Gustavo Assis (90kg), Eduardo Bettoni (90kg), Tiago Palmini (+90kg), Juscelino Nascimento Jr. (+90kg), Maria Taba (57kg), Sarah Bezerra (70kg) e Millena Silva (70kg). O técnico é Fúlvio Miyata e o fisioterapeuta Rafael Freire acompanharam a delegação minastenista.

Os confrontos finais

O primeiro a entrar no tatame para representar o Minas foi Juscelino Nascimento (+90kg). O judoca aplicou um wazari em Jonas Inocencio, que, já no fim da luta, sofreu a terceira punição e selou a vitória minastenista. Maria Taba (-57kg) foi a segunda a lutar e também fez bonito, derrotando Ketelyn Nascimento com um belo ippon. Na sequência, Julio Koda (-73kg) foi o representante do Minas e acabou derrotado por Marcelo Contini no golden score, após sofrer a terceira punição.

Sarah Nascimento (-70kg) foi a quarta minastenista no tatame e também fez uma luta bem disputada. Já no golden score, a atleta foi derrotada por Ellen Santana por um wazari, e o confronto entre clubes ficou empatado em 2 a 2. Eduardo Bettoni (-90kg) veio em seguida e conquistou uma vitória importante. Com um ippon por imobilização, o minastenista venceu Giovani Ferreira e deixou o Minas em vantagem novamente. Millena Silva (+70kg) enfrentou Beatriz Souza, que venceu por ippon e empatou o confronto mais uma vez.

Para o duelo desempate, a categoria sorteada foi a -70kg, e Sarah Nascimento voltou ao tatame. A luta desempate já começa no golden socre e, após mais de cinco minutos de embate, a minastenista sofreu um wazari, e Ellen Santana garantiu a vitória para o Pinheiros.

Copa Brasil Interclubes

27/11 – Fase classificatória
Instituto Reação (3 x 4) Minas Tênis Clube
Sesi-SP (0 x 4) Minas Tênis Clube

28/11 – Semifinal
Minas (4 x 2) Paineiras

29/11 – Final
Pinheiros (4 x 3) Minas

Os atletas minastenistas contam com o apoio da Lei de Incentivo ao Esporte por meio do Projeto Olímpico de Judô – Minas Tênis Clube, processo nº 58000.009434/2018-92 parceria entre Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania e Minas Tênis Clube.