Notícias

Como planejar os gastos da sua viagem?

Travel budget

Planejar uma viagem não é tarefa fácil, mas vale a pena se dedicar para não acabar no vermelho

Todos fazem viagens turísticas com um objetivo em comum: relaxar! Quanto menos preocupações durante o passeio, melhor, não é mesmo? Porém a falta de planejamento e de controle nos gastos pode acabar trazendo ainda mais, e isso é um grande problema.

Planejar uma viagem não é tarefa fácil, e muitas coisas precisam ser consideradas com antecedência para que tudo saia como o esperado. Além disso, um bom planejamento pesa no antes, durante e, principalmente, no depois de uma viagem. Afinal, ninguém quer voltar à rotina com o orçamento no vermelho. Dito isto, abordaremos aqui algumas dicas valiosas de como se preparar da melhor forma possível.

A primeira dica é começar a economizar dinheiro com bastante antecedência. Isso pode ser um desafio para muitos, principalmente porque envolve bastante disciplina e controle de gastos antes mesmo de a viagem começar, mas é um passo importante. Quanto mais dinheiro você conseguir juntar para viajar, mais tranquilo será seu passeio e ainda será possível gastar com tudo que tiver vontade. Isso não quer dizer que você precisa guardar uma quantia exorbitante todo mês. Apenas se planeje e guarde o que você sabe que não vai interferir no seu orçamento mensal – R$ 50 ou R$ 100 todo mês já ajuda!

Em segundo lugar, analise bem os custos da sua viagem. Isso inclui tudo: passagens aéreas, hospedagem, alimentação, assinatura de carros, passeios, compras, etc. Este é o processo mais importante do planejamento, pois, quando não nos preparamos previamente para todos esses gastos, a coisa pode sair do controle facilmente. Uma boa pesquisa já ajuda a decidir previamente a maioria desses fatores e, desta forma, preparar o bolso para cada um deles.

Por último e não menos importante: nunca gaste tudo o que você tem! Quando estamos viajando, principalmente ao visitar outro país, é muito fácil se empolgar e exagerar nas compras, mas é aí que está o perigo. É importante controlar bem os gastos para não ficar sem dinheiro, tanto na viagem, quanto no “depois”. Além disso, também é recomendado deixar um dinheiro sobrando para emergências; afinal, nunca se sabe o que pode acontecer.

Outro ponto que nunca deve ser desconsiderado: se você for fazer uma viagem internacional, fique atento à conversão do real para a moeda local! Isso pesa muito no planejamento, pois o valor do câmbio pode subir na época de viajar, o que significa que seu dinheiro pode não valer tanto quanto poderia. Estar ciente disto é uma excelente forma de não deixar os gastos extrapolarem.