Notícias

Faculdade de engenharia à distância: como funciona?

Young student watching lesson online and studying from home. Young woman taking notes while looking at computer screen following professor doing math on video call. Latin girl student studying from home and watching teacher explaining math formula on video chat.

Conheça as dinâmicas da grade semipresencial dos cursos

(Crédito: Divulgação)

O isolamento social exigiu adaptações no ensino de todos os níveis. As universidades,  em grande parte, adotaram o sistema à distância em seus cursos para não paralisar as aulas. Esse formato de aprendizagem, que já existia, mas está sendo experienciado por muitos alunos agora, deve ficar ainda mais popular depois da pandemia.

As engenharias, segmentação muito procurada e importante da área das exatas, também estão sendo lecionadas com o sistema à distância, que pode ser estendido ao próximo semestre, formando novas turmas já nessa dinâmica.

São 35 diferentes cursos de engenharia – dentre eles, os mais procurados atualmente pela boa remuneração no mercado de trabalho são Engenharia Ambiental, Civil, Elétrica, de Automação e de Produção. Todos eles têm média salarial de R$ 6 mil a R$ 9 mil.

Como são as aulas

Todos esses cursos podem ser oferecidos no sistema EAD semipresencial, no qual toda a parte teórica é feita online e as práticas ocorrem em encontros presenciais periódicos, para que os alunos possam interagir e ter contato com os instrumentos disponibilizados pela faculdade.

No ambiente virtual, é possível, além de assistir às aulas e palestras gravadas, também dúvidas com tutores, consultar e baixar materiais didáticos, assim como interagir com colegas em fóruns de discussão e chats, o que é muito positivo para o aprendizado e estimulado pelas instituições de ensino.

Já as atividades presenciais variam de universidade para universidade. Geralmente, são encontros semanais no laboratório de cada matéria, onde é possível colocar em prática o que já foi visto em aulas anteriores e conhecer pessoalmente materiais usados na profissão. As provas também são realizadas presencialmente.

Da mesma maneira que os cursos presenciais, na grade curricular à distância também estão inclusas oportunidades de os alunos visitarem os locais de trabalho de cada segmentação. Em Engenharia de Produção EAD, por exemplo, podem ser feitas visitas a grandes fábricas e laboratórios, enquanto em Engenharia Civil esse tipo de atividade ocorre em canteiros de obras.

Os cursos de Engenharia são do tipo bacharelado e duram, em média, cinco anos. Para se formar, ainda é necessário cumprir uma carga horária de estágio supervisionado e apresentar um trabalho de conclusão de curso, o TCC.

As vantagens do EAD

A faculdade de Engenharia à distância promove várias facilidades modernas ao aluno. Dentre elas estão uma melhor flexibilização dos horários de estudo, já que o próprio estudante decide quando vai assistir às aulas online e pode rever os conteúdos quantas vezes for necessário. Dessa maneira, também é mais fácil conciliar trabalho e estudo,  já que, além do horário adaptável, há uma grande economia de tempo com deslocamento.

Quem se forma em uma graduação de Engenharia à distância recebe um certificado exatamente igual ao de quem cursou presencialmente. O documento não traz nenhuma informação sobre a modalidade de ensino na qual o aluno estudou.