Notícias

Fiat/Minas perde a semifinal para o Sada Cruzeiro e foca na Superliga

O Fiat/Minas entrou em quadra, na noite desta quinta-feira (11/2), para disputar a semifinal da Copa Brasil 2021 diante do Sada Cruzeiro, em Saquarema (RJ). Sem a presença do oposto cubano Escobar, que testou positivo para Covid-19, o time minastenista acabou derrotado pela equipe cruzeirense, por 3 a 0 (25/19, 25/18 e 25/23), e se despediu do torneio nacional. Agora, o foco total do Fiat/Minas é na Superliga Banco do Brasil 2020/21, que está na reta final da fase classificatória. O time está em um bom momento no torneio, com três vitórias consecutivas, e enfrenta o Vedacit Vôlei Guarulhos já no próximo domingo (14/2), às 21h30, em Guarulhos (SP), pela sétima rodada do segundo turno.

Para o líbero Maique, a equipe deve seguir em busca do crescimento nos próximos jogos da temporada. “Temos trabalhado bastante e sabíamos que seria uma partida muito difícil. São duas equipes que se conhecem muito bem e entramos em quadra dar o nosso melhor, mas hoje o time deles foi melhor. Temos que continuar trabalhando porque teremos jogos decisivos na Superliga e temos que seguir buscando o nosso crescimento, além de acreditar na nossa equipe”, analisou.

A Copa Brasil começou com os oito melhores classificados do primeiro turno da Superliga Banco do Brasil 2020/21. Na primeira fase, o Fiat/Minas, que foi o quarto colocado, enfrentou o Azulim/Gabarito/Uberlândia, o quinto, na Arena MTC, e venceu o jogo por 3 sets a 1 (25/18, 25/15, 22/25 e 25/22). A final da competição será nesta sexta-feira (12/2), às 21h30, entre Sada Cruzeiro e EMS Taubaté Funvic, que venceu o Vôlei Renata na outra semifinal por 3 a 2. A Copa Brasil voltou a ser disputada em 2014 e esta é a oitava edição consecutiva. O Fiat/Minas foi vice-campeão em 2019.

A semifinal

O jogo entre as equipes mineiras começou  com muito equilíbrio em quadra. Os times forçaram o saque e trabalharam bem as viradas de bola, disputando ponto a ponto. Na segunda metade da parcial, o Sada Cruzeiro aproveitou as chances de contra-ataque e assumiu a liderança do placar. O Fiat/Minas tentou reagir, mas a vitória ficou com o time cruzeirense por 25 a 19. O Sada começou bem no segundo set e abriu pontos de vantagem, mas, após boa passagem de Honorato no saque, o Fiat/Minas virou o marcador (7 a 5). Em meio a polemica de arbitragem, o time cruzeirense retomou a liderança. Por outro lado, o Fiat/Minas teve dificuldades no sistema defensivo para segurar o ataque adversário. No fim, vitória do Sada Cruzeiro por 25 a 18. O Fiat/Minas voltou para o terceiro set em busca da vitória para seguir na partida. Pelo time cruzeirense, os jogadores mantiveram o ritmo no ataque. Na sequência, o time minastenista aproveitou contra-ataques para encostar no marcador, e o jogo ficou equilibrado. Após troca de pontos, a parcial foi decidida na vantagem mínima, por 25 a 23 para o Sada Cruzeiro, que saiu com a vitória na partida.

Ficha técnica

Sada Cruzeiro: Fernando Cachopa, Alan, Facundo Conte, López, Isac, Otávio e Lukinha (líbero). Entraram: Oppenkoski, Rhendrick e Rodriguinho. Técnico: Marcelo Mendez.

Fiat/Minas: William, Lucas, Honorato, Lazo, Gustavão, Matheus Pinta, e Maique (líbero). Entraram: Gustavo Orlando, Paulo e Jonatas. Técnico: Nery Tambeiro.

Árbitros: Anésio Leão e Shirley Regina.

Copa Brasil 2021

Fase classificatória

13/1 – Fiat/Minas (3 x 1) Azulim/Gabarito/Uberlândia – Arena MTC – (25/18, 25/15, 22/25 e 25/22) 

Semifinal

11/2 – EMS Taubaté Funvic (3 x 2) Vôlei Renata – Saquarema (RJ) – (26/24, 25/21, 21/25, 26/28 e 15/12)
11/2 – Sada Cruzeiro (3 x 0) Fiat/Minas – Saquarema (RJ) – (25/19, 25/18 e 25/23) 

Final

12/2 – 21h30 – Sada Cruzeiro x EMS Taubaté Funvic – Saquarema (RJ) – Sportv