Notícias

Inhotim inaugura exposição na Semana do Meio Ambiente

Nova mostra no Google Arts and Culture e parceria com o Instituto Terra são destaques na programação

O Inhotim, instituição de referência em ações de preservação de espécies botânicas e conscientização ambiental, participa da 17ª Semana do Meio Ambiente, comemorada sempre na primeira semana de junho, com uma série de ações. Neste ano, o destaque é a exposição “Do tamboril à braúna: conversas com quem gosta de árvores”, que estreia sábado (5/6), Dia Mundial do Meio Ambiente, no Google Arts and Culture.

A nova exposição vai abordar algumas das espécies de árvores mais representativas do acervo botânico do Inhotim, como braúna, embaúba, coité e, claro, a Tamboril, símbolo do Instituto, com idade estimada entre 80 e 100 anos. “Admirada particularmente pelo tamanho majestoso e copa frondosa, essa árvore é testemunha da criação e do desenvolvimento do Inhotim ao longo dos anos, abrigando e inspirando plantas, animais e pessoas”, comenta Bárbara Sales, analista ambiental do Instituto Inhotim.

A exposição virtual conta com a participação da equipe do Jardim Botânico do Inhotim e convidados especiais, que trazem mediações exclusivas e ensinamentos importantes sobre as espécies. Afinal, conhecendo mais esses seres majestosos da Natureza, podemos contribuir para a conservação do nosso patrimônio ambiental.

Parceria com o Instituto Terra

Referências mundiais na conservação do meio ambiente em seus respectivos territórios, o Inhotim e o Instituto Terra abordam espécies presentes na Mata Atlântica no Cerrado, bem como seus esforços para conservar a natureza em seus territórios. Os conteúdos serão publicados no Instagram (@inhotim e @institutoterraoficial) de terça-feira (01/06) até sábado (05/06).

Visita virtual no feriado

A programação da Semana do Meio Ambiente traz também a visita virtual “Um olhar sobre o acervo botânico”, na quinta-feira (dia 3, feriado), às 16h. Percorrendo os jardins do Instituto, educadoras do Inhotim destacam os três pilares sustentadores de um jardim botânico: pesquisa, conservação e educação ambiental. A iniciativa faz parte do programa Inhotim para Todxs, patrocinado via lei Federal pela Localiza e pela Unimed.

A visita acontecerá pelo Zoom (inhotim.info/InhotimParaTodxs). Não é necessário se inscrever, mas as vagas são limitadas e a “sala” é bloqueada quando atinge um número confortável para o atendimento de todos os participantes.

Visita presencial

Para quem puder contemplar pessoalmente as belezas naturais do Inhotim, em Brumadinho, a dica é a visita presencial com o curador botânico do Instituto, Juliano Borin. Neste tour especial, um grupo de até 15 pessoas vai conhecer os detalhes dos trabalhos botânicos do Inhotim, os segredos do paisagismo e ter acesso exclusivo aos bastidores das estufas de plantas, onde se encontram espécies raras.

A visita acontece no sábado (5/6), das 10h30 às 12h30, com saída da recepção.

Funcionamento do Inhotim

O Instituto Inhotim está de portas abertas aos visitantes às sextas, sábados, domingos e feriados, com limitação da capacidade de público (500 pessoas), uso de máscara e álcool em gel, entre outras medidas. Lembrando que o parque está sujeito à capacidade máxima, e os ingressos devem ser adquiridos antecipadamente on-line pelo Sympla, tiqueteira oficial do Inhotim. Confira no site todas as regras de visitação.

Ingressos Inhotim

Inteira: R$ 44
Meia: R$ 22

Na última sexta-feira de cada mês (exceto em feriados) a entrada é gratuita. Para quem puder visitar o instituto em mais de um dia, os passaportes estão com preços atrativos.

Para os moradores de Brumadinho cadastrados no programa Nosso Inhotim, todos os dias são de entrada gratuita.

RUA B, 20, INHOTIM, BRUMADINHO. MG – BRASIL