Notícias

Morar a dois: o básico que a casa deve ter

Veja quais são os itens básicos que não podem faltar em uma residência.

Montar uma casa, normalmente, não é nada fácil. Às vezes, devido à empolgação, objetos desnecessários são comprados e itens básicos são esquecidos. No entanto, é importante ter em mente que viver a dois requer planejamento e controle, inclusive sobre os móveis escolhidos.

No quarto, por exemplo, o ideal é que haja, além da cama, armário e penteadeira, para que os itens pessoais — como roupas, acessórios e produtos de beleza — estejam sempre organizados. Dessa forma, além de cada objeto ter o seu devido lugar, muitas discussões serão evitadas.

Contudo, de maneira geral, há elementos que são essenciais para qualquer residência. E, para ajudar você a priorizá-los, listamos os principais. Confira!

Faqueiro

Não há como começar uma vida a dois sem ter garfo e faca para comer. Entretanto, não é necessário comprar um faqueiro muito caro. No início, um conjunto básico é o suficiente. Já em relação à quantidade, se possível, o ideal é ter no mínimo 42 peças, que é o bastante para servir até 6 pessoas. Isso porque não seria agradável receber visitas e não ter talheres para todos.

Conjunto de copos

Taças de vinho, copos, xícaras de café e taças de champanhe: a dica é que vocês tenham pelo menos um conjunto de cada, com seis unidades, tanto para noites românticas quanto para receber os amigos e familiares com tranquilidade.

Panelas

Assim como o faqueiro, panelas e outros itens de cozinha são fundamentais para o começo de uma vida a dois. Mesmo se ambos não sabem cozinhar muito bem, esse é o momento de arriscar novas receitas.

Micro-ondas

O micro-ondas é um item muito importante. Toda casa deveria ter esse aparelho, sobretudo quando se decide morar a dois. Com a correria do cotidiano, não sobra tempo para quase nada e a praticidade que esse eletrodoméstico entrega ajuda bastante.

Tupperwares

Quem trabalha fora sabe muito bem da importância de ter tupperwares em casa. No caso da vida a dois, se ambos estiverem atarefados e não houver tempo para cozinhar, é bom reservar um dia mais tranquilo para fazer comida para a semana e armazenar nas vasilhas. Dessa forma, será preciso apenas esquentar a refeição no micro-ondas em poucos minutos quando a fome bater e o horário de almoço estiver contado.

Sofá de qualidade

Vale a pena investir em um sofá de qualidade, uma vez que ele terá uma durabilidade maior que um sofá mais barato, de materiais inferiores. A dica é optar por uma cor neutra, pois assim ele combinará com qualquer cor de parede e decoração.

Jogos de cama

Dê preferência para kits que oferecem o conjunto de jogo de cama completo em vez de comprar as peças separadas. Geralmente, a durabilidade e a qualidade são superiores e as estampas dos edredons e lençóis se completam. Em relação ao número de fios da trama, quanto maior o número, melhor será a qualidade do item e mais confortável e aconchegante será a sua cama.

Máquina de lavar e secar

Se vocês forem morar em apartamento ou até mesmo em uma casa pequena, saibam que secar a roupa não será uma tarefa das mais simples, sobretudo em épocas de chuva. Sendo assim, vale muito a pena investir em uma máquina que, além de lavar, seque.

Caixa de ferramentas

Embora seja algo que grande parte das pessoas não pensa, é importante ter ferramentas básicas — como martelo, parafusos, chave de fenda e furadeira — em casa. Ademais, uma casa nova sempre requer alguns ajustes e trocas, como pendurar um quadro ou fazer alguma pequena reforma. Portanto, vale a pena investir em uma caixa de ferramentas.

Kit de emergência

Por fim, toda casa deve ter um kit de emergência que inclua lanterna, pilhas, band-aid[1] , remédios, luminária de emergência, etc. Isso porque não dá para saber quando esses objetos serão necessários. Logo, aplica-se o ditado popular: “melhor prevenir do que remediar”.