Notícias

Normcore, o estilo de moda que busca nada além do básico

O desejo por uma moda básica acabou formulando uma tendência contemporânea bastante influente

Quando falamos de moda é importante termos em mente que ela se trata, acima de tudo, de um fenômeno cultural. Especialmente quando o assunto são as tendências de cada estação, que geralmente começam nas ruas. Com o normcore, isso não foi diferente.

Em tradução livre, normcore significa cerne do normal, ou seja, um estilo básico raiz. Por essa razão, peças como o moletom, a polo masculina e a calça jeans de lavagem homogênea são algumas das peças curingas deste estilo.

Em um primeiro momento, quando começou-se a observar o fenômeno, houve quem acreditasse que o normcore seria a moda sucessora natural do hipster. Isso aconteceu exatamente porque se enxergou um contraponto entre um e outro, além, é claro, de uma acontecimento linear, particularmente na cidade de Nova York, nos Estados Unidos.

Por lá, até meados dos anos 2010, o exagero, as estampas, as combinações pouco prováveis e o sucesso absoluto dos volumes e sobreposições marcaram toda uma geração que ficou, então, conhecida como o estilo hipster, que hoje em dia é reconhecido em todo mundo.

O que foi se percebendo, de 2015 em diante, é que algumas das pessoas mais descoladas da cena de moda da cidade começaram a se vestir de maneira considerada bastante normal, especialmente quando comparadas ao estilo hipster. Estava então iniciada a tendência.

Ironicamente, os precursores do estilo normcore estavam, na verdade, tentando evitar as tendências do momento e se tornarem o mais neutros possível em relação a elas. Essa vontade de passar em branco, entretanto, acabou chamando a atenção e é, com certeza, um dos movimentos de moda mais influentes dos últimos anos.

Casual com estilo

Superado o contraponto inicial feito entre o normcore e o hipster, a tendência passou a andar com pernas próprias e ter seus próprios ícones fashion. Pessoas como Steve Jobs, saudoso diretor executivo da Apple, e Mark Zuckerberg, co-fundador do Facebook, são bons exemplos disso.

O estilo dos amigos do famoso seriado Friends também é uma boa referência de como as composições e combinações podem acontecer.

A ideia inicial era que o casual fosse estiloso e parecesse descompromissado. A verdade, contudo, é que se foi construindo um pensamento complexo em torno dos looks hoje considerados normcore.

Atualmente o estilo está bem mais disseminado e mesmo celebridades com a vida mais pública são adeptas ao estilo e suas vertentes, com destaque para as irmãs, influenciadoras digitais e empresárias Kourtney e Kim Kardashian.

Montando o seu look normcore

Antes de mais nada, é importante que o normcore seja, de fato, um desejo por simplicidade, conforto e estilo. Entendendo isso, fica bem mais fácil compor os seus looks de maneira mais natural.

Algumas peças essenciais, contudo, vale dizer, são os jeans um pouco mais folgados com corte reto, camisetas básicas, moletons e os casacos lisos.

Na hora de escolher o calçado, especialmente para situações mais casuais, o tênis performance é a escolha mais acertada.

No quesito cores, tons mais neutros são mais indicados. Assim, abuse de peças pretas, brancas, cinzas, azul escuro e verde musgo. E isso vale tanto para as roupas quanto para os calçados.

Tal qual o minimalismo, o normcore preza pelo estilo básico. A diferença entre os dois, entretanto, quando falamos especificamente de moda, é que a normcore é um estilo bem mais descontraído e mesmo roupas de grifes que aderem ao estilo passariam facilmente por um achado de brechó em bom estado de conservação.

O minimalismo, por outro lado, tem bastante apreço ao desenho contemporâneo da roupa e, em geral, evita peças casuais demais, como o jeans — essencial no look normcore. Outro desejo comum ao adepto de ambos estilos são as roupas que não se ajustam às curvas de corpo, seja pelo desconforto ou pela marcação de gênero, uma vez que tanto o normcore quanto o minimalismo têm forte influência do pensamento da moda unissex.