Nacional

Projeto Bichos do Pantanal realizará live sobre “O Turismo de Observação de Onças”

Com a presença de Douglas Trent, diretor de pesquisas do Projeto Bichos do Pantanal, pioneiro no Brasil neste segmento, e de Eduardo Falcão, proprietário de uma Reserva Ecológica criada em 1999 pelo projeto de Trent, a live debaterá toda a importância da atividade para a região

O Projeto Bichos do Pantanal, realizado pelo Instituto Sustentar – patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental – realizará uma live em suas redes sociais acerca do “Turismo de Observação de Onças”. A transmissão acontecerá através do Instagram e do Youtube do Projeto Bichos do Pantanal, no próximo dia 7 de maio (quinta-feira), às 17h, horário de Brasília (16h horário do MT).

A live contará com a presença de Douglas Trent, diretor de pesquisas do Projeto Bichos do Pantanal, que é pioneiro no desenvolvimento desse tipo de turismo, quando trouxe essa ideia para o Brasil há mais de 40 de anos, ocasião em que, com seu projeto na região da Transpantaneira, transformou caçadores de onças-pintadas em empreendedores do turismo de observação de vida silvestre. Hoje, pelo menos 50 famílias vivem deste projeto na região. Também estará presente Eduardo Falcão, proprietário de uma Reserva Ecológica – a Jaguar Ecological Reserve, criada pelo projeto de Douglas Trent com recursos de doações de sua ONG nos EUA, a Focus Conservation Fund, para inserir a família Falcão no turismo sustentável.

O ecoturismo integra o turista ao meio ambiente, proporcionando o contato com a natureza da forma menos impactante possível. É uma oportunidade de conhecer novas culturas e belezas naturais, como a fauna e a flora. Durante a live, Douglas e Eduardo conversarão com os espectadores sobre todos os benefícios ecológicos e sociais que o turismo de observação de onças trouxe para a região pantaneira, comprovando que a conservação e o turismo de observação de onças-pintadas no Pantanal supera em 56 vezes eventuais ataques de onças na pecuária. (Fonte: pesquisas da UFMT e Universidade de East Anglia)

Segundo Douglas Trent, o projeto ecoturismo ajuda nas mais variadas vertentes. “Esse tipo de turismo ajuda no desenvolvimento econômico sustentável das regiões ligadas diretamente à atividade. Inclusive, na região pantaneira, é fundamental na preservação das onças”, afirma o diretor de pesquisas do Projeto Bichos do Pantanal.

Eduardo Falcão afirma que esse tipo de turismo é essencial para as comunidades locais. “Os guias turísticos pertencem a região pantaneira, das comunidades locais. Há uma troca muito saudável e sustentável entre o pantanal e os pantaneiros, são essas pessoas que também ajudam na conservação da fauna e flora da região”, conta.

Para mais informações sobre as atividades a live “O Turismo de Observação de Onças”, basta seguir as redes sociais do Projeto Bichos do Pantanal:

Facebook: Projeto Bichos do Pantanal / Instituto Sustentar https://www.facebook.com/bichosdopantanal/

Instagram: Bichos do Pantanal https://www.instagram.com/bichosdopantanal/

Youtube: Bichos do Pantanal – https://www.youtube.com/user/bichosdopantanal

Twitter: Bichos do Pantanal https://twitter.com/BichosPantanal

Projeto Bichos do Pantanal

Com patrocínio da Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental, o Projeto Bichos do Pantanal atua na região do Alto Pantanal (Cáceres e Porto Estrela, MT) desde 2013. O foco é nas áreas de Educação Ambiental, pesquisas que ampliam o conhecimento científico visando a preservação de espécies da fauna pantaneira e a promoção da sustentabilidade local por meio do Turismo Sustentável. O Projeto já mobilizou, em diversas atividades (entre cursos, eventos, capacitações, atividades de mobilização social e Educação Ambiental), mais de 550 mil pessoas entre crianças, jovens e adultos, comunidade escolar, moradores, visitantes e turistas nos municípios de Cáceres e Porto Estrela e Estado do MT

Saiba mais em: https://www.bichosdopantanal.org

Instituto Sustentar

O Projeto Bichos do Pantanal é realizado pelo Instituto Sustentar, OSCIP com sede em Belo Horizonte e atuação nacional e internacional. A entidade é dedicada à implementação e execução de projetos que buscam a sustentabilidade econômica, social e ambiental, junto à iniciativa privada, entidades da sociedade civil e setor governamental. O objetivo é promover pesquisas técnico-científicas e boas práticas institucionais e empresariais que permitam o desenvolvimento sustentável de nossa sociedade.

Saiba mais em: https://institutosustentar.net/