Notícias

Rodolfo Milone afirma: “Candidato do prefeito é réu em processo no valor de R$ 120 milhões”

Não é de hoje que a cidade de Santos vive problemas terríveis. Uma das cidades com maior PIB e riqueza do Brasil sofre com a falta de transparência. Atualmente, nós estamos vivendo vários escândalos. A mais nova é referente às obras na ponta da praia.  

Vale lembrar, que há muito dinheiro circulando em locais que já contam com infraestrutura. Enquanto isso, a maior favela de palafita da América Latina continua sem nenhuma reforma e planejamento. Com as crianças brincando no esgoto. 

Jornalista mostra a situação da cidade de Santos

Para que todos tenham conhecimento, em processo de improbidade administrativa, o Ministério Público tem como réus Paulo Alexandre Barbosa, atual prefeito de Santos, e Rogério Santos, candidato da situação e secretário de governo. Em uma ação no valor de R$120 milhões de reais. 

Entenda o caso

Em março de 2019, o Ministério Público do Estado de São Paulo, encabeçado pelos promotores Adriano Andrade de Souza e Eduardo Antonio Taves Romero, ingressou  uma ação civil pública com pedido liminar contra o Município de Santos e o Grupo Mendes. Com o intuito de anular os termos de compromisso entre a Prefeitura e o Grupo que viabilizam o Projeto Nova Ponta da Praia.

“Os termos de compromisso e as condições neles consignadas foram elaborados com fundamento nos artigos do Plano Diretor e Lei de Uso e Ocupação do Solo, que padecem de vícios de constitucionalidade e ilegalidade”, afirmam os promotores na ação.

Os promotores apontam ofensa aos princípios da transparência e controle social; imprecisões e vício aos princípios da igualdade e livre concorrência e até indícios de violação ao princípio da impessoalidade, visando beneficiar grandes grupos econômicos, dentre eles o Grupo Mendes. Além de tentar anular os termos e suspender as obras, a liminar prevê outras ações. Adriano Souza e Eduardo Romero impuseram à ação o valor de R$ 120 milhões.

Mudança e renovação

Quando me formei em jornalismo, umas das minhas premissas era de ajudar as pessoas. Mostrando tudo que acontece de errado e os problemas na cidade. Sempre levei comigo o lema de Randolph Hearst, ele fala que o jornalismo é publicar aquilo que alguém não quer que se publique, pois todo o resto é publicidade. 

Por esses princípios, eu decidi ser candidato a vereador em Santos, pelo Partido Verde. Sem dinheiro de fundo partidário, uma candidatura 100% sem dinheiro público. Com o olhar para as pessoas, causas sociais, geração de emprego e renda. 

Nunca podemos nos esquecer dos mais necessitados, aqueles que passam fome nas ruas, crianças com deficiências e problemas de saúde, e os idosos. Se você não quer mais ver essa corrupção e ver mais propostas importantes para todos nós,  acesse minhas páginas abaixo.

Serviço – Rodolfo Milone – 43999

Instagram – @milonerodolfo

Facebook – Rodolfo Milone

Youtube – https://bit.ly/323IYI6

Site – https://rodolfomilone1.wixsite.com/candidato