Edição Impressa

Turismo local impulsiona ocupação do Linx Confins

Reaberto no início de setembro seguindo todos os protocolos de higienização e biossegurança recomendados pela Consultoria Sírio Libanês, uma das maiores autoridades médicas do Brasil e parceira exclusiva da GJP Hotels & Resorts, o Linx Confins (MG) registrou ocupação máxima no último feriado de 7 de setembro e a expectativa para 12 de outubro é a mesma, considerando as reservas feitas até o momento.

A análise do perfil dos hóspedes feita pela rede GJP mostra que o turismo local tem contribuído com força para esses números. Quase um terço dos hóspedes vem de Minas Gerais (30%), seguidos de perto pelos paulistas (26%). Durante o mês passado, o hotel teve receita 25% acima do projetado para a reabertura.

Para Fabio Godinho, CEO da rede GJP Hotels & Resorts, essa tendência deve perdurar e contribuir cada vez mais para a volta do turismo. “Acredito que o turismo doméstico será favorecido por alguns elementos: primeiro, pelas restrições de viagens internacionais e abertura de fronteiras, em segundo lugar, pelo próprio receio das pessoas de realizar viagens mais longas de avião, evitando ficar muito tempo fechado em um mesmo ambiente. E, por fim, pela alta do dólar, que acaba inibindo viagens para fora”, afirma.