Notícias

Vida saudável: a importância do cloreto de magnésio para o organismo

Close up shot of woman taking container with frozen mixed vegetables from refrigerator while looking at camera.

Além de melhorar a saúde, ele é um grande aliado dos esportistas

Vida saudável: a importância do cloreto de magnésio para o organismo
(Crédito: Divulgação)

Para quem pratica esportes e deseja ter uma vida saudável, existem vários tipos de componentes e substâncias inusitadas que podem colaborar para maximizar os resultados desse estilo de vida, além de fazer bem para a saúde como um todo e garantir o funcionamento do organismo. Entre eles está o magnésio, um tipo de mineral que está recebendo destaque nos últimos tempos, graças aos seus benefícios.

O magnésio é um mineral conhecido pela sua importância em garantir a saúde dos ossos, além de colaborar expressivamente para a melhora da imunidade, graças ao seu poder em aumentar a atividade dos leucócitos. Já para quem pratica esporte os benefícios estão na relação entre o mineral e o metabolismo, colaborando para diminuir a fadiga, promover melhoras nas funções motoras e cerebrais, além de prevenir o cansaço e as lesões musculares.

Por outro lado, a deficiência desse mineral no organismo pode causar um dos maiores inimigos para quem pratica atividade física: as cãibras, que aparecem principalmente durante a corrida ou atividades do tipo, já que, sem o magnésio, os músculos perdem a capacidade de relaxar em certos momentos, o que também pode aumentar a pressão nos nervos e causar a sensação de dormência e formigamento.

Uma das formas mais populares de consumir esse mineral é através dos suplementos de cloreto de magnésio – combinação que facilita a chegada do magnésio no intestino, tornando-o melhor disponível para ser absorvido pelo organismo. Apesar de muito positivo, é importante lembrar que o consumo de suplementos só deve acontecer após a recomendação de um médico especialista ou nutricionista, que irá avaliar a necessidade de possíveis restrições, assim como a quantidade recomendada da substância por dia.

Além dos suplementos, o mineral também pode ser encontrado em diversos alimentos, que podem ser incluídos na dieta do dia a dia. Para que o organismo funcione corretamente, é recomendado o consumo diário de 420 mg de magnésio. Entre os alimentos fontes desse composto químico estão as oleaginosas, como amêndoa, feijão, ervilha e nozes, e as verduras escuras, como agrião e escarola. Abacate, milho, banana e abóbora também são outras opções consideradas boas fontes de magnésio.

Para quem deseja um melhor desempenho na prática de esportes, ou mesmo seguir uma dieta mais saudável, é preciso combinar o consumo de alimentos com magnésio ou suplementos do mineral com uma alimentação balanceada, consumindo proteínas e carboidratos complexos, que servirão como fonte de energia para o organismo realizar todas as atividades de maneira correta.